sexta-feira, 31 de outubro de 2014

ABRINDO MENTES



ABRINDO MENTES
Capítulo de abertura do livro "Debulhando Verdades"
Patriarca Thoth

Conscientemente, acho bem apropriado iniciar esta obra com o capítulo "Abrindo Mentes" porque, sendo mais um livro, nada melhor do que uma nova Abertura Mental.
É comum ouvir dizer: “Tenho Fé em Deus”. E, no entanto, se observarmos a pessoa em questão, verificaremos que ela procede exatamente ao contrário daquilo que fala.

A prova de Fé e confiança no ser supremo, DEUS, se demonstra pela maneira como se reage quando bate à porta a adversidade, a catástrofe, a doença, a tragédia ou a morte de um ser, de um ente querido, amado. E, se você quer realmente saber se tem aquela Fé preconizada, responda a si mesmo: Quando está tudo mal, quando a desgraça, dor, adversidade, doença etc. estão lhe atingindo, como você reage?

Saiba que é neste exato momento que se deve aplicar todo “conhecimento” de leis religiosas, filosóficas etc., nas quais foi adquirido aquilo que se sabe e que redundou no tamanho da nossa Fé atual.

Observe que quando as coisas estão correndo bem, e que você está “numa boa”, está prosperando normalmente, você se descontrai e passa a levar tudo na “flauta”. Nesse momento se inicia o processo de esquecimento dos seus deveres espirituais, se esquece até de Deus. Mas, logo que aparece a adversidade, a dor, você começa a querer se desculpar por meio de perguntas pessoais, esfarrapadas como: “Por que aconteceu isso, logo comigo? Eu que não odeio a ninguém, procuro fazer o bem, faço caridade, vou sempre ao Templo, à Igreja...

Tudo bem! Todavia, você se esquece de que é necessária uma clara e firme compreensão da lei que rege o próprio ser, cuja é: DE ACORDO COMO VOCÊ PENSA, ASSIM VOCÊ É e SERÁ FEITO.

Você, meu caro, pode ser frequentador e comungante assíduo na sua Religião, da sua Igreja, pode observar todos os regulamentos, todos os preceitos, cerimoniais e rituais e, no entanto, não deixa de sofrer com doenças, desditas várias e desgraças!

Por quê?

Porque não é pelo simples fato de você cumprir com os deveres religiosos, muitas vezes mecanicamente, que estará efetivamente se REALIZANDO, pois, como acima já foi dito: De acordo como o homem pensa e de acordo com o que tem em seu coração, assim ele se fará. Entretanto, se você estiver cumprindo seus deveres religiosos concomitantemente com a força da sua mente, seu pensamento Positivo, de maneira elevada, praticando o que aprendeu, procurando sempre se modificar, você estará fazendo um verdadeiro trabalho em “SER”. Você pode CRER, mas não é só a religião que salva. Porém, sim, sua maneira de PENSAR, FALAR e AGIR. É indubitável que isso o levará ao resultado daquilo que está almejando.

Para ilustrar e você ter melhor compreensão, vou fazer um pequeno relato:

Havia uma mulher que era muito boa. Do ponto de vista da sociedade. Frequentava a Igreja realmente, prestava muita assistência, visitava hospitais, prisões, dava aula de graça às crianças pobres... No entanto, está inválida pelo reumatismo artrítico. Falava que acreditava em Deus, que tinha Fé em Deus, e achava que Deus a estava castigando pelos seus pecados. Tinha um medo enorme da morte, porque receava ser julgada e condenada a penas eternas, acreditava num inferno e purgatório ao pé da letra. Mas em segredo odiava a nora. Dava-lhe belos presentes no Natal, na Páscoa e se dava ao trabalho de se mostrar bondosa para com ela! O ódio era mantido oculto...

O pensamento de ódio dessa mulher era tão grande que gerava emoções destruidoras, assim vivendo nesse emaranhado. No subconsciente dava vazão a este posicionamento, a este proceder e sentir. Funcionava como se fosse um escapamento, uma válvula por donde suas emoções maléficas se irradiavam, o que resultou num desequilíbrio orgânico que retornou em forma de reumatismo artrítico.

 Isso vem nos mostrar que: colhemos os frutos das nossas CRIAÇÕES MENTAIS. Positivas ou Negativas. Mas após várias instruções que lhe foram administradas, agora já com o devido conhecimento, a senhora em questão passou a se modificar. Começou a rezar uma prece, cuja, está abaixo transcrita, obtendo dessa maneira uma cura quase completa.

Criamos e também vivemos daquilo que acreditamos realmente em nossos corações e em nossas mentes. Isso vem nos mostrar que a Fé está no fundo da nossa consciência e da nossa mente, e não naquilo em que está a nossa concordância normal, simplesmente pelo fato de aceitar, limitada por nossa possibilidade e capacidade intelectual...

Para que você possa ter a chance de curar algum mal, e como você já está agora consciente de que pode ser feita a modificação dos seus EUS através da mente, aqui vai a oração. Todavia, saiba que nenhuma prece tem valor quando é simplesmente balbuciada. É preciso também muita transferência de AMOR.

“A Inteligência Salutar que me criou está focalizada no ponto exato da minha mente onde está o problema. Toda distorção física e mental será removida. O AMOR DIVINO dissolve tudo que é dessemelhante e estou descansado(a) e em Paz. O Seu rio de Paz inunda toda a minha alma, toda a minha mente e meu corpo. Sinto-me maravilhoso(a). Perdoo a todos plenamente, livremente e derramo meu amor sobre (fulano ou fulana) e todos que me cercam. Estou LIVRE.”

Esta oração deve ser feita devagar, de forma sossegada, meditada e com muita reverência. Fazê-la várias vezes por dia, com todo o pensamento voltado e concentrado nela. Com isso, certamente adquirirá a sua transformação pelo seu trabalho e a possível cura.

Porém, é necessário que saiba que se você não lutar muito em modificar seus pensamentos, os passando na peneira, se filtrando através da sua análise até chegar ao ponto de adquirir o máximo de pureza, você indubitavelmente perecerá nas ondas deletérias dos pensamentos NEGATIVOS. Como é comum acontecer, você cairá fragorosamente no ostracismo provocado pela concordância dos convencionalismos, dos conceitos e preconceitos, proporcionados, criados pelos condicionamentos da própria vida. Cuidado!...

Peço que lute tenazmente com a convicção da Fé, com a certeza de que existe o Poder Supremo e que Ele está em você. Assim tudo será possível.

 Os dias de louros serão cantados pelas vitórias do seu EU SUPERIOR quando tudo estiver caminhando dentro da Lei do Equilíbrio!

Cria barreiras para si própria a criatura que se desespera no tardar dos resultados daquilo que deseja. A impaciência é sempre inimiga da perfeição. Espere pacientemente que seu objetivo seja alcançado no seu devido tempo.

A Fé consciente é aquela que o indivíduo adquiriu no cadinho da prática da vida e do conhecimento.

Que a Fé permaneça vibrante na sua Mente e Coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu e-mail para retornarmos seu comentário.