sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

Jakob Böhme, o Teósofo Teutonico


 

Jakob Böhme


(1575-1624)

Jakob Böhme, o Teósofo Teutonico

From William Law's Translation of The Works of Jakob Böhme

 

 


Jakob Böhme, nasceu no ano de 1575 em uma aldeia chamada Alt Seidenburg, perto de Gorlitz, na Alemanha e morreu na Silésia em 1624. Ele tinha pouca escolaridade e muito pequeno  trabalhou como pastor de ovelhas numa montanha nos arredores de Gorlitz e mais tarde se tornou aprendiz de sapateiro.  Viajou pela Alemanha como artífice , retornando a Gorlitz em 1599 tornando-se mestre em sua profissão. Casou-se com Katherine Kuntzschmann, com quem teve quatro filhos.

O comprador, entretanto, pagou o preço estipulado e se afastou. Após ter dado alguns passos para fora da oficina, chamou com voz alta e firme: " Jacob! Venha cá! ". O jovem, a princípio assustou-se ao ouvir aquele desconhecido chamá-lo pelo nome de batismo, depois, decidiu atendê-lo. O forasteiro, com ar sério mas amável, disse-lhe: "Jacob, você é ainda muito pequeno, mas será grande e se tornará outro homem, e será objeto da admiração de todos. Isto porque é piedoso, crê em Deus e reverencia sua Palavra, acima de tudo. Leia cuidadosamente as Santas Escrituras, nas quais encontrará consolo e instrução, pois sofrerá muito; terá de suportar a pobreza, a miséria e as perseguições; mas seja corajoso e perseverante, pois Deus o ama". Em seguida, fixando-o bem nos olhos, apertou-lhe a mão e se foi, sem deixar qualquer indício.

Um dia, enquanto trabalhava  na sapataria de seu mestre, um estranho e misterioso homem entrou no recinto. Vestia-se de forma simples e não parecia materialmente afortunado, todavia  aparentava ser muito sábio e nobre em matéria de realização espiritual. O estranho  perguntou-lhe o preço de um par de sapatos que havia escolhido. Mas o jovem  Böhme, inseguro em lidar com a parte financeira,  não se atreveu a responder um preço,  temendo desagradar seu mestre. O forasteiro insistiu e Böhme finalmente respondeu   um preço muito alto, crendo que o estranho recusaria e ele não seria repreendido por seu mestre. O forasteiro, entretanto, comprou o par de sapatos escolhido e partiu.

A uma curta distância no fim da rua o misterioso forasteiro parou e gritou em voz alta ", Jakob, Jakob, venha cá! ." Espantado e  assustado, ao ouvir o desconhecido chamá-lo com seu nome de batismo, Böhme correu para fora da casa. O estranho homem fixou os olhos sobre o jovem, seus grandes olhos pareciam irradiar uma luz divina. Compenetrado mas amável o forasteiro disse-lhe: " Jacob, você é ainda muito pequeno, mas será grande e se tornará outro homem, e será objeto da admiração de todos. Isto porque é piedoso, crê em Deus e reverencia sua Palavra, acima de tudo. Leia cuidadosamente as Santas Escrituras, nas quais encontrará consolo e instrução, pois sofrerá muito; terá de suportar a pobreza, a miséria e as perseguições; mas seja corajoso e perseverante, pois Deus o ama".Em seguida, fixando-o bem nos olhos, apertou-lhe a mão e se foi, sem deixar qualquer indício.

Profundamente impressionado com a previsão, Böhme se tornou cada vez mais intenso em sua busca da verdade.

."Abriu-se para mim um largo portão e em um quarto da hora vi e aprendi mais do que veria e aprenderia em muitos anos de universidade. Por essa razão, estou profundamente admirado e dirijo a Deus minhas orações, agradecendo-lhe por isto. Porque vi e compreendi o Ser dos seres, o Abismo dos abismos e a geração eterna da Santíssima Trindade, o descendente e origem do mundo de todas as criaturas, pela divina sabedoria: Soube e vi por mim mesmo os três mundos, ou seja, o divino (angelical e paradisíaco), o das sombras (que deu origem e natureza ao fogo) e o mundo exterior e visível (sendo à procriação ou o nascimento exterior tanto do mundo interior como do espiritual). Vi e conheci toda a essência do trabalho o mal e o bem original e a existência de cada um deles; e também como frutificou com vigor a semente da eternidade. E isso de tal forma que dela fiquei desejoso e rejubilei-me". Por sete dias ele permaneceu em uma misteriosa condição durante os quais os mistérios do mundo invisível foram a ele revelados..

"Abriu-se para mim um largo portão e em um quarto da hora vi e aprendi mais do que veria e aprenderia em muitos anos de universidade. Por essa razão, estou profundamente admirado e dirijo a Deus minhas orações, agradecendo-lhe por isto. Porque vi e compreendi o Ser dos seres, o Abismo dos abismos e a geração eterna da Santíssima Trindade, o descendente e origem do mundo de todas as criaturas, pela divina sabedoria: Soube e vi por mim mesmo os três mundos, ou seja, o divino (angelical e paradisíaco), o das sombras (que deu origem e natureza ao fogo) e o mundo exterior e visível (sendo à procriação ou o nascimento exterior tanto do mundo interior como do espiritual). Vi e conheci toda a essência do trabalho o mal e o bem original e a existência de cada um deles; e também como frutificou com vigor a semente da eternidade. E isso de tal forma que dela fiquei desejoso e rejubilei-me".

Jakob Böhme revelou para toda a humanidade os  mais profundos segredos da alquimia. Ele morreu cercado por seus famíliares em um domingo, 20 de novembro de 1624, ouvindo músicas celestiais. Jakob Böehme, que como os antigos rosacruzes é  chamado de teosofista, tinha como emblema uma cruz negra com rosas douradas.

 

PÁGINAS RELACIONADAS EM NOSSO SITE

A Influência de Jacob Boheme na Flauta Mágica de Mozart por Delmar Domingos de Carvalho

 Orações de Jacob Boheme

 La llave [Clavis]

Diálogos místicos [Libro cuarto de "Weg zu Christo"]

Confesiones [The Confessions of Jacob Boehme comp. and ed. by W. Scott Palmer with an introd. by Evelyn Underhill]

 

Biografia de Jacob Böehme

Vida e Doutrina de Jacob Böehme - Franz Hartmann

Milton and Jakob Boehme; a study of German mysticism in seventeenth-century England  Margaret Lewis Bailey [Texto en inglés]

Jacob Böehme - Biblioteca Upasika

Obras de Jacob Böehme

A Chave de Jacob Böehme [Texto em português]

A Encarnação de Jesus Cristo  [Texto em português]

Confissões [Texto em português]

O Caminho para Cristo  [Texto em português]

Seis Pontos Místicos [Texto em português]

Der Weg zu Christo, verfasset in neun Büchlein [Texto em alemão, facsímil do original de 1715]
 

http://www.fraternidaderosacruz.org/rc_jakob_bohme.htm

__._,_.___

Um comentário:

  1. ...traigo
    sangre
    de
    la
    tarde
    herida
    en
    la
    mano
    y
    una
    vela
    de
    mi
    corazón
    para
    invitarte
    y
    darte
    este
    alma
    que
    viene
    para
    compartir
    contigo
    tu
    bello
    blog
    con
    un
    ramillete
    de
    oro
    y
    claveles
    dentro...


    desde mis
    HORAS ROTAS
    Y AULA DE PAZ


    TE SIGO TU BLOG




    CON saludos de la luna al
    reflejarse en el mar de la
    poesía...


    AFECTUOSAMENTE
    rosacruzes

    DESEANDOOS UNAS FIESTAS ENTRAÑABLES DE NAVIDAD 2009 ESPERO OS AGRADE EL POST POETIZADO DE CREPUSCULO.

    José
    ramón...

    ResponderExcluir

Deixe seu e-mail para retornarmos seu comentário.